Categoria: Gestantes

arte-blog-2

A importância do Ultrassom com doppler na gestação

O primeiro ultrassom é algo inesquecível para a mãe. Muito mais do que apenas ver o seu bebê em formação, ele é vital para que o médico consiga verificar se está tudo correndo bem com a gestação.

Com o exame de ultrassom doppler é possível identificar coisas como:

  • Fluxo sanguíneo da placenta;
  • Oxigênio do bebê;
  • Batidas cardíacas;
  • Quantidade de líquido amniótico ideal;
  • Formação dos órgãos internos;
  • Possível restrição de crescimento por baixo fluxo sanguíneo.

Existem outros aspectos que este exame consegue identificar muito bem, mas apenas com estes exemplos ficou claro que ele é fundamental para acompanhar o bom crescimento do feto. É possível reconhecer qualquer indício de prematuridade no bebê.

É normal os bebês pequenos para a idade gestacional terem um diagnóstico desfavorável, isso porque a placenta não estaria nutrindo o bebê de acordo com o tempo de gestação.

Também é importante ressaltar que o exame de ultrassom doppler também acaba auxiliando durante o acompanhamento da saúde da mãe, e a descobrir doenças que possam surgir no período de gestação.

Indicação do exame

Por ser um dos exames mais completos, ele também pode ser solicitado para confirmar uma suspeita do próprio médico. Nesses casos, é importante e indicado possuir um acompanhamento de um profissional responsável e de sua confiança.

Dentre os principais motivos para a solicitação do ultrassom doppler estão:

  • Risco ou desconfiança de crescimento reduzido ou má formação do feto;
  • Modificação no líquido amniótico (fluido que protege e fica envolta do embrião);
  • Incompatibilidade de grupos sanguíneos;
  • Possível transmissão congênita de doenças;
  • Gestação múltipla;
  • Gestação feita anteriormente com parto prematuro.

Clínica de confiança

Como foi possível perceber, o exame é indicado em todos os casos de gestação. Como citado acima, é de extrema importância um acompanhamento de um bom profissional, fornecendo o auxílio necessário durante todas as etapas.

A mesma preocupação deve se voltar para escolher uma clínica. Além de ter tecnologia, é necessário uma abordagem mais humanizada para que não seja causado nenhum desconforto durante todo o processo.

Ver Mais
parto

Parto durante a pandemia: Entenda quais cuidados deve tomar

Parto durante a pandemia: Entenda quais cuidados deve tomar

Com todo a situação atual do país com a pandemia de coronavírus, muitas preocupações acabam passando pela cabeça de uma mulher grávida. Garantir o bem estar próprio, também é cuidar do bebê, então tomar os devidos cuidados é imprescindível.

Temos que ter ciência que nem todos os efeitos da infecção do COVID-19 em gestante são conhecidos. É uma situação extremamente atípica, e por causa do pouco tempo para a realização de estudos, não é possível dizer com certeza o que o vírus faz ou deixa de fazer.

Se você estava planejando a sua gravidez, o recomendado é adiar este plano até que toda a situação esteja controlada e resolvida.

Principais cuidados

Uma das dúvidas mais comuns em mulheres grávidas é se o parto domiciliar seria boa alternativa nessa situação, e a resposta é não. Para a realização do parto domiciliar, ainda é necessário dois ou mais profissionais da saúde, o que não diminui o risco de infecção. Também é preciso levar em conta que um parto realizado no hospital é muito mais controlado, e portanto, menos arriscado.

É interessante verificar com o hospital ou maternidade se é necessário mudar por conta do COVID-19. Caso não tenha sintomas do novo vírus, você pode manter a sua escolha de instituição. Se informar é essencial para ver se é preciso realizar alguma mudança. Cada hospital e maternidade possuem realidades diferentes, principalmente relacionado a equipamentos e corpo clínico.

Deve ser lembrado que é preciso seguir todos os cuidados de prevenção quando for em um hospital ou maternidade. Lavar bem as mãos, e quando não for possível, passar álcool em gel 70%, manter distância de 2 metros das pessoas, usar máscaras que cobrem completamente o nariz e boca e não compartilhar itens pessoais.

Ver Mais
corona-recem-nascido-blog

Coronavírus: cuidados com recém-nascidos

No Brasil, apesar de o Ministério da Saúde não divulgar a faixa etária das pessoas confirmadas com a doença, a assessoria de imprensa disse a revista CRESCER que não há, até o momento, registro de crianças entre os infectados.

Para o CDC (Centro de Controle e Prevenção de Doenças) dos EUA, as baixas taxas de infecção entre crianças podem ocorrer porque casos mais leves não chegam a ser relatados. As crianças também são menos expostas a viagens, e o ambiente de trabalho dos adultos é outro fator que favorece a contaminação. As crianças são geralmente expostas em casa.

Vale destacar que crianças com sintomas leves também podem transmitir o vírus a outras pessoas, e há relatos inclusive de transmissão assintomática.

Prevenção do contágio para recém nascidos

Como a transmissão do coronavírus ocorre principalmente por gotículas respiratórias, as recomendações para evitar o contágio de crianças são as mesmas da população em geral.

Já para grávidas e bebês pequenos, a regra de ouro é evitar aglomerações. Independente de coronavírus ou não, a preocupação que temos com relação ao recém-nascido é de reduzir ao máximo a possibilidade de contato com situações de aglomeração, porque algo que pode causar um resfriado simples em qualquer pessoa, em um bebê pequeno pode se agravar. Além disso, é fundamental orientar as visitas sobre a higienização das mãos, e a própria família precisa adotar esse comportamento no dia a dia.

Confira alguns cuidados essenciais:

– Adiem as visitas;

– Evitem sair para a rua ou para lugares cheios;

– Lavem as mãos e usem álcool gel antes de pegar na criança;

– Mães, fiquem em casa. Só saiam quando for extremamente necessário;

– A amamentação é de extrema importância, pois é nesse período que o bebê recebe da mãe vários anticorpos;

– Muitas mães sentem sintomas de gripe nesse período. Caso não apresentem outros sinais, como febre e dificuldade de respirar, não vão a um pronto-socorro.

Gostou do conteúdo? Acesse nossa página MAIS SAÚDE e leia mais conteúdo como este.

Ver Mais

Agende agora seu exame!

O Instituto da Imagem

Fachada do Instituto da Imagem

O Instituto da Imagem é uma Clínica de Diagnóstico Médico por Imagem que atende as cidades de Sumaré, Hortolândia, Nova Odessa, Monte Mor, Americana e a região metropolitana de Campinas.

Ver mais
Horario
Horários de Atendimento
  • Segunda: 07:00 - 19:00
  • Terça: 07:00 - 19:00
  • Quarta: 07:00 - 19:00
  • Quinta: 07:00 - 19:00
  • Sexta: 07:00 - 19:00
  • Sábado: 07:00 - 12:00
Localização
Localização

Pç. Manoel de Vasconcellos, 618 (Praça das Bandeiras)
Sumaré - SP - CEP:13170-150

Rota Google Maps Rota pelo Waze